Cursos Grátis

Hebraico I

Curso de Hebraico Bíblico e Moderno Grátis (Hebraico Grátis עברית חינם )

Estaremos apresentando neste site um curso de hebraico gratuito para os que desejam aprender este idioma. São diversas as motivações que levam ao aprendizado de um idioma: Currículo profissional (e com um idioma diferencial como o hebraico certamente o seu currículo vitae será notado ainda que você não seja tão fluente no início), quer viajar para Israel a turismo, leitura de livros não traduzidos, entre outras. No caso do hebraico teríamos que acrescentar ainda, pelo menos: Viagem à Israel, a Terra Santa, peregrinação, leitura da bíblia sagrada no original do velho testamento, interesse em arqueologia da Terra Santa e Palestina etc. Trataremos neste curso da parte gramatical básica na primeira parte. Depois, na segunda parte, apresentaremos frases para treinamento prático natural do hebraico. Vamos utilizar um recurso especial chamado transliteração fonética, ou seja, deixando o rigor científico da transliteração vamos nos preocupar com o som formado pelas sílabas. Nos parece bem melhor para o iniciante. Não vamos considerar as variações para os sinais massoréticos. Eles não são usados na prática e relacionaremos somente o som aproximado, no início do curso. Repetiremos com frequência algumas informações para facilitar a memorização.

Sobre os exercícios. Leia os exercícios com bastante atenção. Procure exercitar a pronúncia, leitura e escrita. Observe que colocamos uma frase escrita na forma correta e mais à frente expandimos a sentença para que o estudante tenha a estrutura da mesma. Logicamente a expansão é apenas um recurso didático e jamais se escreve assim. Observe que muitos trazem o significado da palavra e a pronúncia. Acrescentamos os sinais vocálicos algumas vezes para facilitar a leitura e deixamos as mesmas palavras sem os sinais, outras vezes, para treinar o aluno na leitura sem os mesmos. O curso requer conhecimentos básicos da lingua portuguesa.

O hebraico é lido da direita para a esquerda e por isto os livros em hebraico serão lidos ao contrário dos nossos, isto é, de trás para frente. Na bíblia hebraica o livro de gênesis estará no lado contrário ao que estamos acostumados. Não se preocupe pois não é tão difícil assim, logo acostumamos. No caso da leitura das palavras basta você escrever uma pequena palavra em português de trás para frente e ver que não há dificuldade alguma para ler.

Leia esta palavra a seguir da direita para a esquerda – orrac < daqui . Não foi tão difícil bastou conhecer as letras. Aprender o alfabeto hebraico é muito fácil, não deixe de acompanhar o curso, vá estudando aos poucos para uma memorização natural. Pretendemos, com a ajuda de Deus, conduzir o estudioso visitante ao conhecimento da leitura com e sem os sinais massoréticos. Vamos nos esforçar para disponibilizar futuramente arquivos de som para o leitor aprender a pronúncia mais corretamente. Repetiremos com certa frequência algumas informações para facilitar a aprendizagem.

O hebraico não é tão difícil como se imagina, exceto para os que vão aprofundar os estudos e principalmente nos verbos. Mas é bem mais simples estudar de forma natural, ler e escrever muita coisa e depois se desejar fazer um curso mais avançado. O ideal seria que após adquirir o conhecimento básico prático o estudante convivesse com pessoas fluentes no hebraico. É necessário que o leitor se descontraia, vá lendo com calma e nos exercícios fixando o aprendizado, lendo os mesmos calmamente, tirando conclusões. Não se assuste com o que vou dizer agora.

Pare e veja que este fato não torna as coisas tão difíceis como alguns poderiam imaginar e acaba por ser um bom exercício mental. Antes leia a seguinte palavra, em português, da direita para a esquerda lonate <—–daqui.

Creio que você conseguiu ler a palavra, precisava apenas conhecer as letras e sons, e você conhecia. O hebraico também é lido da direita para a esquerda, bastará também conhecer as letras e sons. Já que o hebraico é lido da direita para a esquerda, como outros idiomas de origem semítica, é natural concluir que os livros hebraicos serão lidos da direita para a esquerda e os textos escritos da mesma forma.

Para te facilitar quero logo informar que
1) um grupo de letras hebraicas tem formas diferentes quando no final de uma palavra(forma final) e outro grupo tem o som mais àspero quando se coloca um ponto na consoante
2) no hebraico original não haviam vogais mas algumas consoantes vocálicas, posteriormente foram inventados pelos massoretas alguns sinais para facilitar a leitura
3) Há muitas palavras que tem formas diferentes para masculino e feminino
4) Artigos, conjunções e algumas preposições são escritas junto à palavra que as segue. É preciso prestar bem atenção ao procurar palavras no dicionário, pois ali estarão só as palavras. Não se preocupe você verá isto. Observe que dividimos a figura com as consoantes, em três figuras, como recurso para melhorar a visibilidade, mas se for necessário clique sobre a imagem para ampliar.

O hebraico tem 22 consoantes básicas mais as formas finais e modificadas e o quadro mostra bem isto. A forma é a quadrática, escrita de imprensa, a mais usada. As formas modificadas são aquelas onde você vê um ponto na consoante. O som fica mais forte.

Observe que para as que possuem formas modificadas apresentamos dois sons respectivamente. Para que você não venha desanimar achando que é muito difícil, não se preocupe em decorar o alfabeto no começo. Vamos relacionar palavras curtas, no início, para que você vá memorizando aos poucos recorrendo à tabela. A palavra transliterar, que aparece no quadro, significa representar o som das letras utilizando o nosso alfabeto.

Alfabeto Hebraico
( O Alfabeto אלפבית)
Vamos iniciar o estudo do alfabeto hebraico, não desanime jamais, estude o quanto você possa, assinale aonde parou e quando tiver tempo prossiga. Talvez lhe pareça pouco, mas ao final de algum tempo você verá como valeu a pena a sua persistência. O hebraico possui 22 consoantes mais as formas modificadas e formas finais para algumas delas, conforme mostra a tabela abaixo. Devido as dificuldades para montar e organizar esta tabela algumas informações serão dadas neste e em outros textos. Não decore estas informações, estude primeiro a tabela e volte à elas quando precisar. A memorização pode ser feita de forma natural.

Informações preliminares para serem conferidas na tabela abaixo. Estude primeiro a tabela e retorne aqui.

Por exemplo: 1) No Rr citado como som do Hê (veja tabela) pusemos um sinal de “menor que”. O som ali é como se fosse o h da palavra house em inglês. 2) Para o Heth o h geralmente é diferenciado também com um ponto abaixo. 3) No Kaph escrevemos o som como Rr/K pois é um som entre estes dois. Observe que nas formas modificadas (Modif) as consoantes aparecem com um ponto. O som fica mais forte. Por exemplo na letra beth ( repare bem nisto na tabela) sem o ponto o som é V com o ponto é B. Por este motivo apresentamos dois sons para elas. Temos ainda a modificação do Shin, veja que quando o ponto está na direita o som é X e quando está na esquerda é S Existem consoantes que são escritas de forma diferente quando no final das palavras. Veja na tabela as que possuem formas finais (F. final).

Você poderá ouvir uma parte da pronúncia clicando em vídeo de hebraico em Vídeos

A palavra transliterar (Transl) significa representar os sons com letras do nosso alfabeto ou sinais. Nós adotamos a transliteração fonética. O que nos importa é representar o som o mais próximo possível. Devemos esclarecer que há divergências entre os estudiosos sobre pronúncias, transliteração e já observamos pronúncias diferentes para uma mesma palavra pronunciada por israelenses. Procure decorar a tabela naturalmente lendo várias vezes como fazemos para o nosso alfabeto ABCD – EFGH, não salte para as próximas lições. Fale os nomes das letras em voz alta. Escreva o mais parecido que puder. Observe os detalhes das letras. Dê uma olhada no valor numérico de cada letra pois os números em hebraico são escritos assim. Veja na tabela em Nº

As letras hebraicas mostradas na tabela são chamadas quadráticas, são as mais usadas. Existe ainda o alfabeto cursivo, que não será estudado no momento. Não há letras maiúsculas ou minúsculas como no nosso idioma, usando-se quer as quadráticas quer as cursivas. Como acontece no português existem fontes diferentes para estas letras que chegam a confundir em alguns casos. O samek (samech) chega a parecer um O em alguns casos. O wav pode estar escrito desta forma ׀ , apenas um traço vertical. Fique atento quando for ler palavras em hebraico. Memorize naturalmente as letras e procure escrever ou cobrir cada uma delas. Vamos ensinar os sinais vocàlicos a seguir. Você pode como exercício escrever palavras em português usando as consoantes hebraicas e os sinais de vogal. Se guie pelo som da consoante. É um bom exercício.

As Vogais תנועות

No hebraico original não haviam vogais, os sinais vocálicos foram inventados pelos massoretas posteriormente para facilitar a leitura. No hebraico moderno praticamente não são usados os sinais massoréticos, os sons vocálicos procedem do conhecimento prévio da palavra e das consoantes vocálicas, entretanto os que estudam o Hebraico Bíblico geralmente o utilizam. Os sinais estão na tabela juntos a uma consoante ou figura genérica. Alguns problemas de edição ocorrem por causa do editor de páginas, o hebraico e as tabelas que já estavam prontas em outro, antigo, site nosso. A consoante e a figura entre parênteses servem para posicionar os sinais na tabela e representam todas as consoantes possíveis. ( א , o )

Só para exemplificar e esclarecer.
Esta figura˕, parecida com a nossa letra T, abaixo da consoante, na primeira linha da tabela, representa a vogal a longa. Veja nas observações da tabela.

 

 

O hebraico possui três consoantes vocálicas ה(hê) ו(wav)י(yod) chamadas matres lectionis , mães de leitura

1) ה(hê) vale como a se estiver na última sílaba,
2) ו(wav) vale como o ou u se estiver no final da sílaba,
3) י(yod)como i ou e só no final das sílabas

A consoante ו(wav) tem outros usos especiais , vale como o junto com a vogal holem e é também muito usada como a conjunção e aparecendo unida à palavra que o segue. Neste último caso chama-se wav conjuntivo. Ao encontrar o wav junto a uma palavra veja se é parte da palavra ou a conjunção, vejamos alguns casos de wav, que podem aparecer assim:וְ וָ וַ

Nesta frase אתה והיא está escrito tu (ou você) e ela (ata ve hi), mas o e (wav) aparece junto ao pronome ela היא.
Não usei os massoréticos aqui.
O sheeva (veja tabela) é uma vogal muda ou vocálica muito breve, veremos mais sobre isto quando estudarmos as sílabas.

Não se esqueça O hebraico possui três consoantes que funcionam também como vogais, chamadas matres lectionis (mães de leitura) Hê (a), Wav(o,u), Yod(i,e). Adiante um pouco os estudos Artigos, conjunções e algumas preposições são escritos junto às palavras que os segue. Cuidado ao procurar palavras no dicionário hebraico pois não vão estar com esses “prefixos”.

Porquê são “prefixos” e não “sufixos”. Neste caso você sabe? הָראשׁ a frase ao lado é lida “ha rosh” ou seja rra rosh, a cabeça. Veja que são duas palavras o artigo a הָ (veja a lição sobre artigos em hebraico) e o substantivo cabeça ראשׁ, mas são escritos como se fossem uma só palavra. No dicionário entretanto você encontrará cada uma na sua devida posição. Lembre-se que na escrita moderna não aparecerão os sinais vocálicos muitas vezes. Observe que na tabela algumas vogais foram colocadas junto com uma consoante para mostrar a posição normal. Prossiga que você vai esclarecer muitas dúvidas que ficaram até aqui. Obs: As dificuldades na edição devem-se ao fato de não contarmos com um teclado hebraico e inserirmos pelos caracteres especiais do editor de texto, colando, o que as vezes causa modificações e situações que não podemos contornar no momento. Pretendemos atualizar todas as páginas à medida que identificarmos qualquer acréscimo ou correção necessária. Logo continuamos, se Deus quiser.

 

 

A bibliografia está abaixo. Compare os preços dos livros e dicionários e faça pesquisas na internet para acessar outros sites importantes sobre o hebraico

Bibliografia – Fontes de consulta e indicações 1. Dicionário Português Hebraico e Hebraico Português – Abraham e Shoshana Hatzamri -Editora Sêfer 2. Curso Prático de Hebraico – Agnaldo Leite e Átila Brandão – Editora Hagnos 3. Noções de Hebraico Bíblico – Paulo Mendes – Editora Sociedade Religiosa Edições Vida Nova 4. Gramática Instrumental do Hebraico -Antonio Renato Gusso – Editora Vida Nova 5. Pequeno Dicionário De Línguas Bíblicas – Larry Mitchel, Carlos Cardoso, Bruce Metzger – Editora Vida Nova 6. Hebraico Fácil – Prolog – Editora Sêfer 7. Hebraico Bíblico – Page Kelley – Editora Sinodal 8. Dicionário Internacional de Teologia do Antigo Testamento- DITAT – Lairds, Gleason e Bruce – Editora Vida Nova 9. Hebrew Through Pictures – Richards, David e Christine Gibson – Pockets Books – Cardinal Edition 10 . Google Tradutor 11. Site Chazit Hanoar Porto Alegre – Milon